APLICATIVOS PARA EDUCAÇÃO FINANCEIRA

APLICATIVOS PARA EDUCAÇÃO FINANCEIRA

Com o crescente uso de smartphones e tablets, os aplicativos de controle financeiro se tornaram ferramentas de grande proveito para as pessoas.

Se antes elas utilizavam um caderno ou até mesmo uma planilha eletrônica para monitorar os gastos, agora é possível gerenciar o orçamento com mais agilidade, visto que as informações estão literalmente na palma da mão.

Como o planejamento financeiro é condição primordial não só para evitar a falta de dinheiro como também para se ter sobras para investimento, o indivíduo deve ser capaz de identificar receitas e despesas de forma precisa. Assim, ele pode tomar decisões sem se deixar levar por possíveis distorções causadas pela contabilidade feita “de cabeça”.

Conheça, em seguida, os 5 principais aplicativos de controle financeiro disponíveis para quem quer gerenciar o dinheiro de perto. Confira!

1. Minhas Economias

O app Minhas Economias permite que o usuário organize entradas e saídas por meio de categorias. Dessa forma, é possível ver receitas e despesas em grupos, com os respectivos impactos sobre a renda mensal.

Além disso, o serviço mantém um histórico das transações cadastradas pela pessoa, o que possibilita a comparação dos dados mês a mês.

No extrato mensal, as informações postadas aparecem numa espécie de linha do tempo, que apresenta o fluxo de caixa do indivíduo.

Os gráficos do app ainda proporcionam uma visão mais abrangente da movimentação financeira. Com isso, o usuário consegue monitorar avanços e recuos na formação de poupança.

A propósito, também é possível estabelecer metas específicas para determinados objetivos e acompanhá-las ao longo do tempo.

O aplicativo Minhas Economias pode ser baixado gratuitamente tanto no Google Play quanto na App Store.

2. GuiaBolso

O GuiaBolso está entre os aplicativos de controle financeiro mais utilizados no Brasil. O grande diferencial desse programa é a sincronização com a conta bancária do usuário. Dessa maneira, uma vez que o app tem permissão para acessar determinados dados do cliente, ele passa a mostrar toda a movimentação financeira, com as entradas e as saídas de recursos.

A ferramenta assegura que as informações captadas junto aos bancos são criptografadas, para evitar mau uso dos dados. O app ainda promete organizar os gastos do usuário de forma automática, por meio de categorias. Gráficos de pizza, com a repartição das despesas por grupos, também são mostrados para facilitar o gerenciamento do orçamento.

O GuiaBolso pode ser baixado de graça no Google Play e na App Store.

3. Organizze

O “Organizze — Finanças pessoais e controle de gastos” é mais um dos aplicativos existentes para quem quer monitorar o quanto ganha e o quanto gasta. A ferramenta apresenta uma espécie de painel com as principais despesas do usuário e as respectivas porcentagens sobre o total de saídas.

O app também possibilita que sejam apresentados os saldos consolidados de contas bancárias, com criptografia dos dados. Assim como outros serviços semelhantes, o Organizze classifica os gastos em categorias e subcategorias.

O aplicativo tem versão gratuita, com recursos básicos, e outra paga, que inclui gerenciamento de cartões, alertas, metas, entre outras funcionalidades.

O download pode ser feito no Google Play e na App Store. O serviço também tem versão web.

4. Mobills Controle Financeiro

O app Mobills Controle Financeiro permite que o indivíduo cadastre despesas e receitas, de modo a monitorar o próprio fluxo de caixa. Gráficos e relatórios buscam tornar a análise dos dados mais intuitiva.

Além disso, o app tem como funcionalidades: gerenciamento de cartões de crédito, controle de investimentos, leitura de SMS e notificações dos bancos de forma automática, geolocalização de despesas, leitura de QRCode para gastos etc.

O app disponibiliza versões gratuita e premium (paga), que podem ser baixadas tanto no Google Play quanto na App Store.

5. Meu Dinheiro

O “Meu Dinheiro — Controle financeiro e investimentos” é um aplicativo para quem precisa acompanhar o fluxo de caixa pessoal, familiar ou até de pequena empresa. Nele, o usuário pode visualizar receitas e despesas por categoria bem como controlar gastos com o cartão de crédito. Outro recurso é o monitoramento de aplicações financeiras.

O app ainda permite que a pessoa anexe comprovantes de pagamento e importe SMS bancário. Mais uma funcionalidade é o acesso a múltiplas contas.

O aplicativo tem versões gratuita e paga, que podem ser baixadas no Google Play e na App Store. Também é possível acessar a versão web do serviço.

Vantagens de usar aplicativos de controle financeiro

Como você pôde perceber, existem diversas opções de aplicativos de controle financeiro, muitas delas gratuitas. Entre as vantagens que eles proporcionam, estão a facilidade para se cadastrar informações e o cálculo automático dos dados financeiros.

Dessa maneira, a pessoa evita se perder com contas erradas, cujas chances são maiores de ocorrer quando se faz os apontamentos à mão. Além disso, os gráficos e os relatórios proporcionam uma visão interativa dos dados, contribuindo para uma análise mais confiável das finanças.

Outro benefício dos aplicativos para educação financeira é a menor probabilidade de se esquecer o registro de alguma transação, afinal, como as pessoas cada vez mais andam coladas aos celulares, com poucos cliques dá para cadastrar os pequenos gastos, como aquele lanche no final do dia.

Em resumo, os aplicativos para educação financeira podem ser considerados potentes ferramentas para a conquista de um orçamento superavitário, quer dizer, em que as receitas sejam maiores do que as despesas. Isso só se consegue, em parte, por meio de um olhar atento e frequente sobre a movimentação de dinheiro.

Por fim, cabe fazer a ressalva de que os apps citados não trabalham totalmente “sozinhos”. Logo, o usuário deve fornecer vários dados de entrada e saída de recursos, para que as ferramentas façam os cálculos. Assim, tais serviços terão pouca utilidade se a pessoa não mantém a disciplina de cadastrar as informações necessárias para a fiel gestão dos recursos.

Caso o indivíduo não registre as transações, a consequência é obter análises distorcidas, que não correspondem à realidade. Portanto, nesse caso o risco de se tomar decisões equivocadas é grande. Dessa forma, ao utilizar esse tipo de app, faça a sua parte para ter as contas sempre acessíveis e com alto grau de certeza.

Agora que conhece alguns aplicativos para educação financeira, é só usar e aproveitar os benefícios de uma vida financeira saudável.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui